Qual o status da sua marca pessoal?

A construção de uma marca pessoal envolve uma significativa mudança na maneira como refletimos sobre o que fazemos.

A ideia desta mudança é criar uma mentalidade firme e voltada diretamente para a busca de suas conquistas, criando ações e atitudes que representem você na “fotografia” destes objetivos alcançados, mesmo em momentos em que as coisas não se saírem exatamente como o planejado.

Mas é importante perceber que mesmo que você acredite que é bom naquilo que faz, e ache que as outras pessoas irão perceber valor relevante nisso, a visão do mundo provavelmente não estará nesta perspectiva. Continue lendo “Qual o status da sua marca pessoal?”

Como desenvolver a autoresponsabilidade

Como qualquer mudança, nada irá acontecer da noite para o dia, mas iniciar uma jornada é um passo muito importante para fortalecer o objetivo, e já é um bom exercício para a busca da chamada autoresponsabilidade.

Desenvolver a autoresponsabilidade é ter a percepção de que, embora você não possa controlar as pessoas e as circunstâncias, você pode controlar as suas ações.

Para isto seguem algumas dicas pontuais para você praticar a autoresponsabilidade:

Continue lendo “Como desenvolver a autoresponsabilidade”

De quem é a culpa de algo que não deu certo para você?

Autoresponsabilidade

É bastante comum no dia a dia de alguns transferir a culpa de algo que não deu certo para outras pessoas ou para circunstâncias.

Muitas vezes isto é feito sem se sequer perceber, e torna-se uma rotina natural tanto na vida pessoal como na profissional.

Isto revela o que chamamos de uma baixa autoresponsabilidade. Mas o que é isso?

Continue lendo “De quem é a culpa de algo que não deu certo para você?”

Autoridade na sua profissão, 10 atitudes para lhe transformar em uma

Não são poucas as pessoas que me procuram para aconselhamento e consultoria para a área profissional com o objetivo final de evoluírem em suas carreiras, seja em busca de um melhor posicionamento, uma promoção, uma transição, e até para recolocação profissional sem terem a menor ideia do que fazerem para se tornarem “visíveis” pelas pessoas chaves que poderiam prover o acesso a estes objetivos, na verdade, sem saberem como fazer para serem uma autoridade na sua profissão.

Gavel

Não são raros os casos em que tentam transferir a responsabilidade do não sucesso, para falta de coleguismo, rinchas profissionais, protecionismos internos, falta de visão da chefia e até pela ausência de sorte, mesmo na maioria da vezes, sendo pessoas com as competências bem alinhadas com o que fazem.

Mas por que isso acontece? Por que estes profissionais, que apesar de bem preparados e  com padrões comportamentais adequados aos valores das organizações, não decolam suas carreiras? E a medida que o tempo passa, vão se estagnando até deixarem de acreditar neles mesmos, e passarem a assumir o papel de apenas mais um coadjuvante dos processos organizacionais que atuam.

Continue lendo “Autoridade na sua profissão, 10 atitudes para lhe transformar em uma”

Sua marca é o que dizem de você

Você pode não acreditar, e talvez nem se dê conta disso, mas nesse exato momento, em algum lugar, alguém está se referindo a você, descrevendo você. São adjetivos que resumem todos os seus esforços, toda sua “batalha”, toda sua dedicação e seus anos de investimentos em você mesmo. São palavras!! O terrível é que, muitas vezes, a maioria de nós não tem a mínima ideia de que palavras estão utilizando para nós descrever, principalmente se você nunca se preocupou com isso, nunca ficou atento como você representa a sua marca para as suas relações e para a sua carreira, e como isso pode fazer toda a diferença para o seu sucesso.

Faça a pergunta a você mesmo: Com que palavras você estará sendo descrito?

Hand arrange white letters BRANDDesigned by Freepik

Continue lendo “Sua marca é o que dizem de você”

A sua marca pessoal

A marca tornou-se uma ferramenta tão poderosa para promover produtos e serviços, que faz sentido hoje tratar uma pessoa como tal. As pessoas que nos rodeiam não podem ver nosso interior. Elas nos enxergam por nossa reputação e nossa imagem, que por sua vez são criados por nossas ações cotidianas. O papel da marca pessoal é agir como um catalizador para a mudança de atitude e incentivar a melhoria contínua.
Para saber com está a sua marca pessoal através de um teste rápido, clique aqui.

Marca pessoal, você gerencia a sua?

Você e sua marca pessoal

A grande e esmagadora maioria dos profissionais em quase todos os níveis, idades e fases de carreira sofre do mal de não saber gerenciar sua jornada profissional. São pessoas habilidosas, muitas com grande preparo, dedicadas e estudiosas, mas que em certo momento percebem que perderam as rédeas de sua carreira, para lugares e situações não planejadas.

Na verdade, mais do que não saber gerenciar, muitos não tem a mínima ideia do que estão fazendo com sua marca pessoal nem para onde a está levando, e quando precisam se “vender” para o mercado, não sabem como, pois permitiram que sua carreira andasse ao sabor do vento, sem controle ou com controle de terceiros, com objetivos e interesses que na maioria das vezes são contra os seus próprios valores.

Continue lendo “Marca pessoal, você gerencia a sua?”

Coaching de Realização Profissional

images

Realização profissional vai além de fazer o que gosta, para uma pessoa se sentir realmente feliz profissionalmente existe um conjunto de fatores que devem ser atendidos. Esses fatores podem ser organizados em quatro principais pilares.:

  • · Fazer o que você ama
    · Fazer algo em que você é bom
    · Fazer algo que exista demanda
    · Fazer algo que você possa ser pago

Um processo de coaching profissional irá lhe mostrar as necessidades e bloqueios para a essa felicidade profissional. Durante o processo se identifica as reais insatisfações com sua carreira atual e através do autoconhecimento e alinhamento com a sua  essência, buscar alcançar a felicidade profissional.

Continue lendo “Coaching de Realização Profissional”

A importância de se aproveitar o tempo

Sem duvidas um dos grande geradores da queda de produtividade em atividades pessoais e profissionais é a má gestão do tempo.

Saber administrar o tempo é fundamental por dois motivos:

  1. se o tempo diário é o mesmo para todos, quem souber se organizar, mais tempo terá para se dedicar às coisas importantes;
  2. se uma grande parcela do tempo não tem nosso controle direto, quem não fizer uso de técnicas adequadas, pode vir a ter problemas como: ansiedade, estresse, sobrecarga de trabalho, improdutividade, desmotivação, erros entre outros..

aproveitar-tempo

Continue lendo “A importância de se aproveitar o tempo”