Como o seu perfil em redes sociais pode impactar a sua carreira

Acredito que não é novidade para ninguém que hoje em dia, empregadores e recrutadores usam as redes sociais com uma grande relevância na análise de um profissional.

E isso pode inclusive impedir o seu progresso profissional ou até mesmo interromper a sua carreira.

Ter um perfil em redes sociais é algo bastante comum. Entretanto, o que muita gente não percebe é que este perfil pode passar a ser a representação da “marca pessoal” online do indivíduo.

Cada vez mais é bastante comum que a primeira experiência de uma pessoa com você se dê através de seus perfis em redes sociais.

Antes mesmo de conhecê-lo pessoalmente, algumas pessoas e, inclusive recrutadores de empresas, verificam a forma como você se apresenta nestas mídias sociais.

Assim, se quiser construir oportunidades, consegui um novo emprego, abrir novas portas, você precisa construir uma imagem digital que seja congruente com a imagem que busca passar no mundo real, e obviamente, que seja atraente do ponto de vista profissional.

nice_image

Segundo uma pesquisa que fiz sobre este assunto em diversos canais para elaborar este conteúdo, encontrei alguma definições de perfis “não adequados” em redes sociais e que acho interessante citá-los aqui:

1.      Perfil impreciso

Perfis que estão desatualizados, com informações imprecisas, incompletas e incondizentes com quem você é no mundo real.

Eventualmente aqueles que virem este perfil vão descobrir as imprecisões e obviamente, a marca pessoal deste profissional ficará machada.

De descrição de habilidades até sua visão de mundo, e inconsistência entre as várias mídias sociais, são muito fáceis de serem percebidas.

É preciso garantir clareza e uma consistências em todas as plataformas de mídia sociais.

E claro, você precisa manter o conteúdo do seu perfil relevante, mais ao mesmo tempo, este precisa ser baseado em suas verdades, e todas as redes devem apresentar o mesmo posicionamento.

2.      Perfil disperso

Isso significa que seu perfil não tem informações suficiente para que as pessoas entendam quem você é.

Dessa forma pode-se dizer que você não tem um perfil nas redes sociais, e isso quer dizer, que você é invisível, ou até pior, vai passar a mensagem que você não leva as mídia à sério.

Só é preciso lembrar que hoje em dia, as próprias empresas fazem o possível para se representar bem nestas redes, passar uma mensagem contra este conceito já implantado e consolidado, não é uma boa para sua carreira.

E ter uma representação estagnada, imprecisa de quem é você neste meio, é pior do que não utilizar estes canais.

3.      Perfil exagerado

Esta categoria refere-se às pessoas que transformam as mídias sociais em seu trabalho integral. Tudo que acontece em seu mundo real é compartilhado em seu mundo virtual – resultando em excesso de postagens e superexposição.

Se as pessoas que veem o seu perfil tiverem a imagem de que você está nestas plataformas socias 24 horas por dia, 7 dias por semana, fatalmente chegarão a conclusão de que você não tem tempo para ser produtivo em outros projetos.

O resumo e a conclusão são bem simples, presença nas redes sociais é algo importante hoje em dia, desde que seja com bom senso e sem exageros.

Em nenhum momento deve-se esquecer que seu perfil e suas postagens nas redes digitais, colaboram fortemente para valorização ou não de sua marca pessoal.

Por essa razão sugiro que faça uma análise, de uma forma bem honesta, de como você está se posicionando nestas redes e veja que imagem você está passando para o seu público.

É importante também observar o conteúdo que está postando, perguntando a si mesmo se este é congruente com imagem profissional que deseja passar, e se os mesmo são claros e objetivos para todo o público que lhe acompanha.

Você não deve, por exemplo, publicar um story sem explicar o fato e do que se trata de uma forma clara para todos, e não apenas para você ou para um grupo que acredita que vai entender a sua mensagem.

E muito cuidado com o que você externa de sua vida pessoal.

Lembre-se, nem tudo que você gosta de fazer e lhe dá satisfação, precisa ser mostrado publicamente, não é?

Caso queira receber mais orientações sobre a sua carreira, é só marcar uma sessão online comigo sem compromisso clicando no link abaixo.

Vamos conversar sobre sua carreira

 

Comentários no Facebook