Como consolidar a evolução na carreira

Lula Moura - Evolução de Carreira

Evoluir na carreira é um objetivo desejável, e porque não dizer, primordial para qualquer profissional, independente do setor ou atividade.

Mas quantos profissionais tem ao menos uma pequena estratégia, ou plano de ação para transformar este desejo em realidade?

O conhecimento técnico na área que atua é essencial para entrar no mercado, desempenhar bem as suas funções e até destacar-se no seu meio profissional é importante, mas é necessário muito mais para conseguir uma real progressão profissional.

E ao contrário do que muitos pensam, evoluir profissionalmente não acontece apenas com a melhoria das habilidades e do conhecimento na área que atua.

É preciso também ter uma evolução no nível de consciência do seu posicionamento no papel que desempenha em sua organização.

Ter a clareza do que a organização espera de você como profissional é fundamental para a partir daí, ver se é possível ou não se preparar para entregar este papel de uma forma mais estratégica.

Desenvolver esta habilidade de se posicionar como um produto de valor, é a chave para o sucesso da área profissional e até da vida pessoal.

Para que esta “chave” seja construída, o autoconhecimento, a clareza dos valores pessoais, as forças e os talentos precisão estar alinhados com os seus papeis profissionais para que assim, a valorização de sua marca pessoal seja direcionada para a sua carreira.

Pode parecer simples, mas a consolidação deste conceito precisa ser bem planejada, executada e avaliada a cada momento para que possa estar alinhada com uma boa estratégia para a sua evolução profissional.

O problema é que não formos “treinados” se quer, para perceber isso.

O modelo de formação padrão nos ensinou apenas a valorizar as competências técnicas, ou seja, o foco no fazer.

Mas o grande diferencial hoje passa a ser também, o como fazer bem, e principalmente entender bem o “porquê” fazer.

Daí a necessidade de se ter um planejamento de carreira levando em consideração esta ótica, pois é ela que irá fazer a grande diferença na consolidação de sua evolução profissional.

Este aparente pequeno detalhe faz toda diferença entre ter um caminho para o sucesso, e ficar pulando de galho em galho modelando ideias de outros, e táticas soltas que normalmente só levam a frustrações.

Não que elas não prestem ou não funcionem, o problema é que elas precisam ser muito bem conectadas a uma estratégia volta para um objetivo bem traçado.

São por estas e outras razões que os profissionais que resolvem investir em ajuda profissional para buscar este autoconhecimento e clareza, colhem com frequência os melhores resultados.

Não que os investimentos em qualificações técnicas e acadêmicas não tenha valor, longe disso, mas será que não seria interessante fazer estes investimentos que demandam bastante recursos financeiros e principalmente de tempo, em algo que realmente possa impulsionar sua carreira de fato?

A sua solução está em você, e talvez já pronta para gerar resultados e você nem saiba.

Pense nisso!!

O marketing digital funciona ou fui enganado?

Lula Moura - Marketing Digital

 

Certamente a principal barreira para a decisão final de um profissional partir para empreender, é a dificuldade de atrair clientes.

E com os inúmeros e crescentes históricos de pessoas que resolvem usar o marketing digital para atrair clientes sem sucesso, esta barreira vem ganhando cada vez mais força.

Eu acredito que quanto isso acontece a culpa não é do marketing digital em si, mas da estratégia que está sendo adotada para usar este modelo de marketing.

Mesmo que você acredite que tem uma boa estratégia adotada, porque comprou um curso fantástico e com resultados verdadeiramente comprovados, é bom que fique sabendo que uma mesma estratégia pode ser matadora para alguns casos, e completamente ineficaz para outros.

Primeiro quero deixar claro que a grande maioria das estratégias que ensinam por aí, funcionam de fato.

Tem muita gente que já não acredita mais no que é falado e ensinado na internet, mas a realidade é que a grande maioria das estratégias de atração funcionam se forem implementadas nas “condições ideais de temperatura e pressão”.

O problema é que muita gente acaba replicando estratégias sem entender seus fundamentos, e então vêm uma que “simpatiza” e aparentemente tem bons resultados, e correm para modelar o método.

Então fica aquela mesmice! Todos fazendo a mesma coisa para ganhar atenção, mas sem saber o que fazer depois disso.

Vejo muitas pessoas fazendo conteúdo solto, sem entender direito o que está fazendo.

Muitos e-books sendo lançados fora de contexto, muitas lives sem um propósito definido, e muitos cursos sendo oferecidos para público errado, no momento errado e sem fazer parte de uma estratégia mais robusta.

marketing digital 2Outro grande erro que vejo, é a terceirização da estratégia de atração de clientes.

Saber vender bem o seu produto, é o coração do seu negócio, e nenhuma agência ou freelancer vai entender a fundo e no nível necessário, o que é precisa para pôr com sucesso o seu produto no mercado.

Acredito que a pessoa que mais entende do seu produto é você mesmo, ou quem está diretamente ligado a geração e entrega deste produto em sua organização, por isso a importância de se envolver ao máximo com as estratégias de marketing para atrair clientes.

Contratar alguém e depois só cobrar resultados, geralmente não dá muito certo.

Vou mostrar para você alguns conceitos e caminhos a serem percorridos para colher bons resultados com o marketing digital.

Por ter experiência prática e possuir estratégias e ofertas já validadas, eu consegui fazer experiências, comparações e entender mais a fundo o que funciona ou não, e em que momento as ações devem ser aplicadas.

Meu objetivo aqui é torná-lo mais consciente sobre isso, para que dessa forma trace a sua própria estratégia, ou então escolha com mais critério qual estratégia de atração de clientes quer aplicar, e em qual momento.

As diferentes estratégias variam em formato, meio utilizado, e tempo de duração de cada etapa.

Mas as etapas são geralmente, sempre as mesmas três:

1. Capturar a atenção do cliente ideal;

2. Iniciar um relacionamento, como se fosse uma “conversa em etapas”, que vai tornando o possível cliente mais consciente sobre a necessidade de resolver um problema ou alcançar um determinado resultado;

3. Por fim fazer uma oferta de uma solução a esse cliente.

Algumas vezes após fazer a oferta existe um período de negociação, com quebra de objeções para que o cliente finalmente tome a decisão de compra.

Para negócios físicos e online que querem usar os meios digitais para atrair clientes existem basicamente 3 tipos de ações táticas:

1. Prospecção Ativa;
2. Eventos (Online);
3. Funis de Vendas.

Modelos híbridos, que combinam táticas de 2 ou 3 tipos diferentes, tendem a funcionar muito bem e permite maior lucratividade e escalabilidade ao empreendedor.

O problema é saber qual usar, no momento certo e de forma a não criar confusão e ineficiência, fato muito comum para quem tenta atuar sem ter uma clareza do que fazer para atingir o objetivo.

Vou falar brevemente sobre cada uma delas.

Prospecção Ativa:

É a mais comum e geralmente a primeira ação a ser explorada por qualquer empreendedor, suas bases são o networking pessoal, indicações e abordagem direta.

Mas não se engane, se não houve um planejamento para executar esta prospecção, os resultados poderão não ser atingidos ou ficarem muito a quem do esperado.

Eventos online:

Esta se tornou a mais popular nos últimos tempos com os adventos das “lives” durante os picos iniciais da pandemia da Covid-19.

E para muitos, ela se tornou o único meio de atração do marketing digital.

Com base na proposta de aumento de autoridade em determinada área, criou-se uma verdadeira briga de audiência em alguns horários nas redes sociais, fazendo com que as audiências úteis, aquela onde se exclui familiares e amigos, fossem mínimas e até inexistentes.

E o pior, é que na maioria dos casos, estas “lives” são realizadas sem qualquer estratégia para gerar alguma conversão durante, ou posteriormente aos eventos.

Porém, quando bem estruturada e aplicada para o público-alvo desejado e devidamente registrado para o evento, e com ofertas bem preparadas, o método é bastante eficiente e normalmente gera bons resultados diretos e indiretos.

Para esta categoria de evento online, ainda podemos contar com webnários, lançamentos de desafios, lançamentos meteóricos, workshops, semana de aulas, e mais alguns outros.

Funis de Vendas

Esta é uma estratégia que geralmente funciona bem quando combinada com a prospecção ativa e os eventos online.

Existem funis dos mais simples aos mais complexos, e podem ser uma boa para quem quer ganhar escala sem correr muitos riscos de exposição frequente.

Os funis mais comuns envolvem elementos-chave como, iscas digitais, produto de entrada, produto principal, upsell, downsell e campanhas com frequências estabelecidas.

Esta estratégia já exige uma maior necessidade de investimento na estrutura de gestão, para criar um melhor relacionamentos com a audiência que tem um maior interesse nos seus produtos, os chamados “leads”.

É a estratégia mais usada pelos grandes players, pois abre a possibilidade de um contato direto com estes leads, sem o intermédio dos algoritmos das redes sociais.

Costumo dizer que com esse método você traz o seu público-alvo para o seu terreno, deixando-os longe da casa alugada, que são as redes sociais.

Por último, e não mesmo importante, é preciso ter claro que para se ter um negócio, por menor que seja, é preciso fazer investimentos.

Prospectar clientes se enquadra como investimento, então não se iluda que vai ter sucesso no marketing digital apenas “falando” para os seus seguidores.

Além de boa parte dos seguidores não serem o público ideal para determinado produto seu, o próprio algoritmo das redes sociais só entrega o seu conteúdo para uma pequena parcela deles.

Portanto não perca energia e tempo trabalhando “apenas” o orgânico (postagens diretas para os seguidores).

É preciso criar campanhas pagas que foquem diretamente o público correto para o seu negócio.

E obviamente com objetivos bem definidos para se criar conteúdos de valor, e condizentes para as necessidades do seu público, mostrando com clareza os benefícios e as transformações que seu produto pode entregar.

Não foque no que você ou sua empresa são, não dê ênfase a títulos, estrutura, metodologia ou ferramenta a ser utilizada. 

O seu cliente quer o resultado que o seu produto oferece, o seu marketing precisa mostrar isso!!!

E fique certo, você não foi enganado em nenhum momento sobre os resultados do marketing digital, se você ainda não tem resultado, é porque não está sabendo usar as estratégias certas, para o público correto e no momento adequando.

 

Os 3 passos para impulsionar o valor da marca pessoal

Valor Marca

As ações para impulsionar o valor da marca pessoal passa obrigatoriamente pela percepção de seu público, “os seus clientes internos e externos”.

É claro que existem alguns pontos que são unânimes, aqueles que chegam a encantar todos os públicos, como cortesia, humildade, respeito, pontualidade.

O respeito ao próximo em todos os sentidos, pode resumir tudo, por esta razão estes pontos são básicos.

Não há nada pior para uma marca pessoal como a falta de percepção de respeitos pessoal e com os compromissos assumidos.

Apesar destes pontos serem tão básicos, são poucos que conseguem pôr estas atitudes em prática de forma positiva, o pior é que não fica apenas por ai. Continue lendo “Os 3 passos para impulsionar o valor da marca pessoal”

Evoluir é uma escolha, você faz as certas?

Lula Moura - Evolução é uma Escolha

Evoluir é uma obrigação neste planeta em que vivemos, se deixarmos nossa vida à deriva vamos evoluir de alguma maneira, mas partir para esta evolução por opção é alterar o status quo.

Quando estamos incomodados com algo, conseguimos pensar que devemos agir para mudar alguma coisa para melhorar.

O difícil é buscar esta evolução quando estamos em momento de plenitude e abundância.

Mas isso não é naturalmente possível, tendemos a querer aproveitar estas “ondas” dos bons momentos para curtir e se despreocupar, afinal merecemos viver o que a vida trás de bom, não é? Continue lendo “Evoluir é uma escolha, você faz as certas?”

Você se preocupa com suas competências comportamentais?

Lula Moura - Competência Comportamentais

Temos por formação padrão, a visão de que o nosso currículo e o volume de formações técnicas são o grande portfólio profissional que possuímos.

E de fato não deixa de ser verdade, pois é o passe de entrada na seleção das empresas, digamos que seja o pré-requisito para entrar no jogo, não é?

Mas logo após, na própria entrevista de seleção, cada vez mais existem testes que buscam encontrar estes perfis comportamentais que serão um dos principais fatores de decisão para a contratação ou não.

Acredito que vocês já devem ter ouvido falar na frase que diz que as pessoas “São contratadas pelas competências técnicas e demitidas pelos comportamentos”. Continue lendo “Você se preocupa com suas competências comportamentais?”

Temos que encarar o vírus no campo de batalha

Lula Moura - Biossegurança

Após quase 80 dias de quarentena no país, chega hora de encaramos na prática a realidade de que esta é uma batalha de longo prazo.

Sem a existência de uma vacina e a descoberta de um tratamento eficaz, o efeito da quarentena evitou que o nosso sistema de saúde, que naturalmente já vive em colapso, pudesse ficar ainda pior.

E junto com ações de emergência dos órgãos governamentais, que partiram para tentar resolver em poucos meses problemas de trinta anos do sistema de saúde, de fato acredita-se que vidas foram salvas.

Só que este modelo de isolar a população e desacelerar a economia, não se sustenta por logo prazo. Continue lendo “Temos que encarar o vírus no campo de batalha”

Somos todos órfãos da normalidade

Lula Moura - Orfãos da Normalidade

A vida é muito mais incerta do que gostaríamos, em poucos instantes, por um descuido, um ato, ou simplesmente uma circunstância desfavorável, tudo pode se mudado completamente na vida de uma pessoa.

Mas quando tratamos um fato que altera os rumos de toda a humanidade, e imposições necessárias e desfavoráveis como o confinamento imposto pela quarentena, associado a quebra das expectativas ocasionadas por incertezas com relação ao trabalho, abandono de projetos como viagens, casamentos e alguma conquista material que fora interrompida, a dor fica focada nestes fatos.

O que se percebe é que em muitos casos, esta dor tem diminuído a percepção de que é necessário se preparar para o que estar por vir.

Continue lendo “Somos todos órfãos da normalidade”

Um dia do trabalho inimaginável

Lula Moura_Trabalho

As atividades profissionais, o trabalho, a carreira, já eram temas discutidos sob uma quantidade inimaginável de pontos de vista, desde os mais futurísticos baseados no advento da inteligência artificial e dos robôs, até temas mais políticos sobre os direitos ou não dos trabalhadores.

O fato é que neste 1º de maio de 2020, nem o mais audaz dos futuristas, e nem os maiores estudiosos e debatedores de mesas redondas sobre o tema, poderiam imaginar o que este ataque sorrateiro e eficaz da pandemia da Covid-19 poderia causar neste setor, variações tão acentuadas e diversas. Continue lendo “Um dia do trabalho inimaginável”

Direto ao ponto: Como construir uma marca pessoal forte!

Marca Pessoal forte por Lula Moura

Acredito que já é de conhecimento de uma grande maioria dos profissionais a importância do investimento na construção de uma marca pessoal forte e de valor para ser um dos grandes fatores de impulsionamento de suas carreiras.

Este processo de construção e gestão de uma marca de valor, não é algo que acontece em um estalar de dedos, nem tão pouco é algo que acontece por um acaso.

Vou aqui indicar alguns pontos para que você comece a trilhar este caminho com o mínimo de estratégia afim de que este objetivo seja construído e atingido. Continue lendo “Direto ao ponto: Como construir uma marca pessoal forte!”

A importância do comportamento para convencer e influenciar

O comportamento por Lula Moura

O que há de comum naquelas pessoas que conseguem sucesso em suas determinadas áreas?

Que habilidades, características, possibilitou-lhes este sucesso?

Simplesmente a capacidade de vender.

Estas pessoas foram acima de tudo grandes vendedores de suas ideias. Na verdade, seja qual for o produto vendido, tudo que vendemos são ideias, informações, conceitos.

Isto é que define o valor de qualquer produto.

Imagine alguém com uma ideia genial sobre uma droga que pode curar uma grave doença. Se não souber vendê-la para alguém que financie as pesquisas, laboratórios, equipamentos e a contratação dos pesquisadores assistente não poderá dar sequência a sua descoberta.

Continue lendo “A importância do comportamento para convencer e influenciar”