Os rumos do sucesso profissional

A construção de uma carreira de sucesso é lenta, trabalhosa, e sem nenhuma garantia de que se vai alcançar exatamente os objetivos planejados.

O interessante é que a busca deste sucesso profissional é perseguida por nove em cada dez profissionais, mas poucos conseguem encontrar este ponto desejado.

O problema é que a falta desta conquista tem trazido, além de problemas emocionais para estes indivíduos, uma considerável perda de produtividade para as organizações por queda de motivação de muitos profissionais.

E esta desmotivação gera um ciclo vicioso de desconforto e desprazer, que resultam na estagnação profissional. Facilmente observada em diversos setores de uma organização, repletas de indivíduos que perderam o brilho nos olhos, e os sonhos profissionais, permanecendo por anos nas mesmas posições profissionais, com pouca ou sem nenhuma evolução na carreira.

Por isso é de extrema importância que cada profissional traga para si, o poder de direcionar sua carreira segundo alguns critérios, que considero básicos, para se ter um mínimo de clareza e autoresponsabilidade sobre o seu desenvolvimento profissional.

Alinhar carreira com valores pessoais

Podemos definir valores pessoais, como um conjunto de convicções e atitudes que servem como um guia, que nos influenciam e direcionam nossas atitudes e até comportamentos, sendo fatores preponderantes para as nossas tomadas de decisões.

A chance de um profissional obter sucesso pleno em sua carreira sem alinhá-las com os seus valores, é próxima de zero. Se a profissão escolhida não lhe trouxer felicidade, algum prazer e muita motivação, ela não tem chance de dar certo. Por isso o respeito aos seus valores pessoais serão sempre a base do seu sucesso.

Procure ter a clareza destes valores e seja sempre fiel a suas crenças, jamais afastando as suas ações e projetos profissionais destes pontos.

Defina suas escolhas

Defina claramente o que você NÃO QUER FAZER, isso é muito mais importante do que a definição do que você QUER FAZER.

A lista do que você não quer fazer lhe mostrará os limites que não devcrão ser ultrapassados.

Geralmente esta lista estará bem relacionada com as atividades que agridem os seus valores.

Se você tem, por exemplo, o valor de respeito ao próximo muito elevado, e sua atividade profissional é vender algum tipo de produto ou serviço que de alguma maneira entra em conflito com este valor pessoal, nem todo o dinheiro do mundo irá lhe fazer ser realizado profissionalmente, e consequentemente, achar que atingiu o sucesso que procura.

A vida de um indivíduo será muito difícil se ele decidir trabalhar em uma empresa que não o respeite como profissional ou pessoa, ou que atue no mercado de maneira desencontrada com aquilo que acredita.

Tenha esta clareza antes de tudo para definir o rumo profissional que deseja tomar.

Tenha um planejamento de carreira

Saber o que deseja para o seu futuro profissional, através de um planejamento de carreira que indique o caminho e os objetivos de sua vida profissional, lhe trará uma sensação de controle e de capacidade de dirigir a sua vida.

Normalmente este planejamento lhe fornece estratégias e buscas dos caminhos a serem seguidos para a evolução profissional, aliviando bastante a possibilidade de frustações e ansiedades.

Tomar decisões voltadas a sua evolução profissional, sem ter uma visão do “todo” fornecida por um bom planejamento, poderá, por exemplo, levá-lo a investir tempo e dinheiro em formações acadêmicas e técnicas que não irão se consolidar em resultados efetivos para este procurado sucesso profissional.

Na geometria analítica a menor distância entre dois pontos é uma reta. Na vida profissional o menor caminho para o sucesso é um bom plano de carreira.

Os sinais de evolução

Este caminho para a busca do sucesso profissional deve ser perseguido com “mostradores de direção”.

A estratégia deve conter pontos de controles e indicadores reais de evolução de carreira, que indiquem que o caminho deste sucesso está sendo seguido ou não.

Não há como alcançar objetivos sem ajustes do percurso. Os itens de controle bem definidos, serão os marcos que indicarão a necessidade ou não de ajustar as ações para a escolha dos melhores caminhos.

E não esquecer que um dos principais indicadores do sucesso está intimamente ligado à felicidade, sucesso sem felicidade é o caminho do fracasso.

O sucesso porém, não é igual para todos, ele está relacionado com as expectativas, com as ambições, e com metas pessoais de cada indivíduo.

Por isso a necessidade de se criar um plano de carreira personalizado e alinhado com seu momento, pois o próprio conceito de sucesso muda de tempos em tempos. O que hoje é sucesso para você, amanhã pode não ser.

Tudo isso parece bastante óbvio, mas se parar para pensar, você põe isso em prática? Você conhece alguém que tem esta clareza e objetivos do que quer para a vida profissional devidamente traçado?

Bom! Por minha experiência adquirida ajudando profissionais que buscam esta conquista, posso afirmar que isto é muito raro de acontecer.

E não é porque é algo utópico, ou algo difícil de se pôr em prática.

É simplesmente porque não fomos “treinados” para isso, estamos acostumados a viver o dia a dia segundo um modelo padrão definido pela sociedade, que pode ser resumido em: estudar, fazer uma faculdade, uma pós-graduação, conseguir um estágio, um emprego e crescer na profissão.

Nada errado com o modelo! Só que este mesmo modelo torna-se bem mais eficiente quando se tem a clareza do PORQUÊ e do COMO fazer isso.

Seguir este modelo pela filosofia do “deixa a vida me levar”, tem sido o principal motivo de insatisfação com a vida profissional.

A felicidade pessoal e profissional, é um direito e uma escolha de todo ser humano, e a vida é uma consequência das nossas escolhas. Portanto, nós decidimos se queremos ou não a felicidade e consequentemente ser um sucesso ou não.

Comentários no Facebook